top of page
Buscar
  • Edna Viana

A importância da doação de sangue

Doar sangue é mais do que um gesto de solidariedade. É uma demonstração de cuidado e compaixão que salva vidas. Em 14 de junho, celebramos o Dia Mundial do Doador de Sangue, uma data que destaca a importância da doação para a saúde pública.


Reconhecendo essa relevância, o Ministério da Saúde instituiu o Junho Vermelho, uma campanha que visa incentivar a doação de sangue e conscientizar sobre a necessidade contínua de manter os estoques sanguíneos em níveis seguros. Cada doação pode beneficiar até quatro pessoas, ajudando em tratamentos médicos, cirurgias e emergências.



Números para Reflexão:

  • No Brasil, menos de 2% da população doa sangue, um índice abaixo do ideal de 5%.

  • Anualmente, ocorrem 3,5 milhões de doações, mas a meta é atingir 5,7 milhões.

  • 10% dos pacientes necessitam de transfusão para sobreviver.

  • Cada doação pode salvar até quatro vidas, evidenciando a importância de aumentar o número de doadores.



Seja um doador, conheça os pré-requisitos:

  • Idade entre 16 e 69 anos (menores de 18 anos precisam de consentimento dos responsáveis);

  • Pessoas entre 60 e 69 anos devem ter doado antes dos 60;

  • Documento de identificação com foto (documentos digitais são aceitos);

  • Peso mínimo de 50 kg;

  • Ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas;

  • Estar alimentado, evitando alimentos gordurosos nas 3 horas anteriores à doação.



Onde Doar?

A doação pode ser feita em qualquer hemocentro, com a apresentação de um documento original com foto. Confira os principais endereços em São Paulo no link abaixo:




Como Funciona a Doação?

1. Registro e Triagem Clínica: Coleta de dados pessoais e preenchimento de questionário sobre a condição física.

2. Avaliação e Coleta: Um profissional de saúde avalia o doador. Se estiver em bom estado de saúde, a coleta, que dura cerca de 10 minutos, é realizada.

3. Cuidados Pós-Doação: O doador recebe um lanche e orientações, como, por exemplo, evitar exercícios físicos exagerados por 12 horas, não fumar por 2 horas e evitar bebidas alcoólicas por 12 horas.

4. Processamento do Sangue: Após a doação, o sangue é separado em hemácias, plaquetas e plasma, e passa por exames laboratoriais para garantir a segurança dos receptores.



Atenção à Sua Saúde

Como na triagem são realizados diversos exames, é comum alguns doadores descobrirem problemas de saúde desconhecidos, o que pode ser importante para diagnósticos e tratamentos precoces.



Participe da Campanha!

A MaltaCor apoia o Junho Vermelho e te convida para fazer parte dessa rede de conscientização também. Compartilhe esse artigo com seus amigos e familiares para alcançar mais pessoas e ajudar a salvar vidas! Acesse o site da Fundação Pró-Sangue e agende sua doação. Afinal, uma única doação pode salvar até quatro pessoas!






0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page